A importância das Hard e Soft Skills

Cada vez mais essa dupla de palavrinhas está sendo usada no mundo corporativo, principalmente quando tratamos sobre Recursos Humanos. Você sabe o significado desses termos e qual a importância dele no ambiente de trabalho?

Há um tempo atrás era comum na hora de escolher um profissional, apenas pensando nas habilidades técnicas ou específicas em uma área, porém com a evolução do mundo corporativo, foi sendo percebido que somente o conhecimento técnico e experiência naquilo não estava sendo o suficiente para um “match” perfeito.

O desenvolvimento profissional eficaz exige um equilíbrio entre duas categorias principais de competências: as Hard skills e as Soft skills. Compreender a importância de ambas e como elas se complementam pode ser o diferencial para alcançar o sucesso em qualquer carreira, tanto em para uma visão do profissional quanto uma visão da empresa.

Mas vamos lá … o que significa esses termos?

A palavra skill tem o significado de habilidades e aí abrimos essa competência em duas vertentes:

As Hard Skills ou habilidades técnicas, são aquelas que podem ser aprendidas e medidas de maneira objetiva. Elas geralmente envolvem conhecimento especializado, competências técnicas ou habilidades específicas para realizar determinadas tarefas (através de ensino educacional, cursos, treinamento entre outros). Assim temos alguns exemplos:

• Formação em uma área específica
• Domínio em outros idiomas
• Conhecimento avançado em softwares
• Certificações em determinadas funções

E as soft skills, por outro lado, são habilidades interpessoais e intrapessoais (perfil) que influenciam a forma como uma pessoa trabalha e interage com os outros. Elas são mais subjetivas e difíceis de medir, mas são igualmente essenciais no ambiente de trabalho. E assim temos outros exemplos:

• Trabalho em equipe
• Senso de liderança
• Comunicação assertiva
• Capacidade analítica

Agora que você entendeu sobre a diferença de hard e soft skills, é necessário entender qual a importância de tê-las no ambiente de trabalho. Enquanto as hard skills garantem a competência técnica para realizar tarefas específicas, as soft skills asseguram que essas tarefas sejam executadas de maneira eficiente e colaborativa dentro de uma equipe. Por exemplo, um programador pode ser extremamente habilidoso em codificação, mas sem habilidades de comunicação eficazes, ele pode ter dificuldade em entender as necessidades do cliente ou colaborar com outros desenvolvedores.

As empresas cada vez mais reconhecem a importância dessa combinação. Durante processos de recrutamento, muitos empregadores buscam candidatos que possuam não apenas a competência técnica necessária, mas também a capacidade de se comunicar bem, trabalhar em equipe e liderar projetos. Além disso, em ambientes de trabalho dinâmicos e em constante mudança, a capacidade de aprender e se adaptar (soft skills) pode ser tão importante quanto o conhecimento técnico prévio.

E qual é o mais importante?

As duas são complementares e precisam estar em conjunto para que um profissional ou empreendedor tenha sucesso na sua caminhada, dessa forma a resposta é: depende!

É preciso analisar o contexto para avaliar o que esse profissional precisa ter ou desenvolver para determina função ou objetivo. Falando em recrutamento e seleção, no momento em que o descritivo da vaga é feito, precisamos conhecer um pouco da empresa e principalmente entender o ambiente ou setor que esse profissional irá trabalhar, e saber da empresa também o que ela preza nesse candidato. Pode ser que seja indispensável esse profissional ter conhecimento técnico (hard skill), porque o setor que ele vai ficar não terá uma outra pessoa para ensinar sobre a função. E o mesmo pode acontecer, de uma empresa querer formar uma pessoa, sendo assim ela preza pelo perfil (soft skills) que esse candidato tem já ele terá um líder para ensinar a parte técnica.

E conseguimos ir mais além nessa importância, avaliamos também as Hard e Soft skills de acordo com o cargo que essa pessoa irá ocupar. Por exemplo, para cargos de liderança esse profissional precisa ter as duas competências já que ele vai lidar com a parte de gestão de pessoas e a parte de supervisionar e ensinar o conhecimento técnico. Para cargos que envolvem atendimento ao público, será necessário avaliar a soft skills, essa pessoa precisa ter simpatia, boa comunicação e postura.

Entender e saber avaliar as habilidades são componentes vitais para o sucesso profissional. Enquanto as hard skills garantem a capacidade técnica, as soft skills asseguram a aplicação eficaz dessa capacidade no contexto social e organizacional, e o desenvolvimento contínuo e equilibrado dessas habilidades é fundamental para a construção de uma carreira sólida e bem-sucedida.


A Parma Consultoria oferece esse serviço especializado em recrutamento e seleção, analisando as hard e soft skills de acordo com o perfil desejado, propondo solucionar e adequar as necessidades da sua empresa.


Referências

Hard skills e soft skills: o que são e quais as principais diferenças? Gupy Blog, 2024.
Disponível em: https://www.gupy.io/blog/hard-skills-e-soft-skills
Acesso em: 10 de junho 2024.

Qual a diferença entre soft e hard skills? Sólides, 2024
Disponível em: https://blog.solides.com.br/qual-a-diferenca-entre-soft-e-hard-skills/?
Acesso em: 10 de junho 2024.

Veja Mais
A importância das Hard e Soft Skills

A importância das Hard e Soft Skills

Cada vez mais essa dupla de palavrinhas está sendo usada no mundo corporativo, principalmente quando tratamos sobre Recursos Humanos. Você sabe o significado desses termos e qual a importância dele no ambiente de trabalho?

Conciliando Trabalho e Vida Pessoal

Conciliando Trabalho e Vida Pessoal

A busca pelo equilíbrio entre a vida pessoal e profissional é uma jornada desafiadora enfrentada por muitos indivíduos na sociedade moderna. Enquanto a carreira profissional muitas vezes demanda tempo, energia e dedicação, a vida pessoal abrange pontos importantes, como relacionamentos familiares e bem-estar emocional.

Home Office e a volta do Trabalho Presencial

Home Office e a volta do Trabalho Presencial

Nos últimos anos, o trabalho remoto também conhecido como home office, emergiu como uma tendência significativa no mundo corporativo e teve seu auge na pandemia da Covid 19, como uma solução para o mantimento de muitas empresas, se mostrando necessário e funcional, porém, sem garantia de acertos e com um vasto campo a ser descoberto.

Geração Z e o Mercado de Trabalho

Geração Z e o Mercado de Trabalho

A geração Z desafia empresas com autonomia e empreendedorismo. A Parma Consultoria oferece soluções para adaptar organizações a esses talentos, com atualização em gestão, liderança e recrutamento.

Recrutamento e Seleção: Abordagem

Recrutamento e Seleção: Abordagem

Legenda imagem Recrutamento e seleção são processos vitais para qualquer organização. Eles desempenham um papel fundamental na construção de uma equipe forte e competente, que é essencial para o sucesso